pt

Testemunho de Yolanda Soraya Apablaza Basoalto, presidente do CUT, na província de Talca, e dirigente da Associação de Funcionários do Instituto Nacional de Desportos do Chile.

Em representação da Confederação Central de Trabalhadores – CUT (Central Unitaria de Trabajadores) do Chile, participei no curso sobre "A crise e a economia internacional", que decorreu em Turim e em Madrid, em 2009.

Logo no primeiro dia do curso, pude constatar a sua relevância. Nós, dirigentes regionais do Chile, temos normalmente acesso a competências básicas (políticas e legislação relativas a negociação coletiva), a um conhecimento mínimo que nos ajuda a lidar com o processo de negociação coletiva no setor privado, praticamente inexistente no setor público.


À medida que o curso avançava, ia recebendo contributos dos diversos oradores. Assim, pude ficar a conhecer a experiência de outros participantes e das suas escolas de formação sindical. Isto levou‑me a pensar em fazer algo semelhante, a uma escala mais reduzida, não pelo seu valor enquanto novidade, mas devido ao valor potencial para os sindicatos que, no futuro próximo, iriam passar pelos seus próprios processos de negociação coletiva, em termos de aquisição de um conhecimento profundo de aspetos como o atual Tratado de Livre Comércio entre o Chile e o UNDAF.


Na qualidade de representante da CUT, visitei diversas secções ligadas ao mundo do trabalho, incluindo secções do governo, do setor privado, dos OTEC e dos sindicatos. Apresentei a todas uma proposta de programa conjunto (todas investem separadamente na formação), deixando claro que as diretrizes e o conteúdo seriam os definidos pela CUT a nível de província e sugerindo potenciais mediadores. Todas, sem exceção, acolheram favoravelmente a proposta, e desde então já organizámos ateliês conjuntos com vista a definir o programa de formação.


Após as reuniões a nível organizacional, começámos a passar a ideia aos dirigentes ao nível das bases, explicando‑lhes os benefícios que traria às suas organizações e à sua futura negociação coletiva.


Os temas abordados durante o curso foram integrados no programa da Escola Sindical. Conta com o apoio das instituições acima referidas e tem como destinatários os dirigentes do setor privado e do setor público.

International Training Centre of the ILO

Viale Maestri del Lavoro, 10
10127 Turin - Italy

Contate-nos